“Muitos usuários não conseguem se beneficiar das novas formas de cuidado a distância e necessitam de um encontro presencial, seja por não ter acesso a esta tecnologia, seja pela necessidade de um olhar e do sentimento de pertencimento a um lugar onde se possa respirar a liberdade neste momento de isolamento social.”

Essa é uma das questões levantadas pelo manifesto assinado pela Associação dos Usuários dos Serviços de Saúde Mental de MG e do Fórum Mineiro de Saúde Mental, ambos defensores e integrantes da luta antimanicomial.

Confira o documento completo clicando aqui!

Postagens Recomendadas

Deixe um Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.